Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Newsletter

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . . .
Dow Jone ... % . . . . .
Espanha 0% . . . . .
NASDAQ 0,02% . . . . .

Previsão do tempo

Hoje - Santos, SP

Máx
20ºC
Min
16ºC
Encoberto com Chuvas

Quarta-feira - Santos, SP

Máx
21ºC
Min
16ºC
Chuvas Isoladas

Hoje - São Paulo, SP

Máx
19ºC
Min
14ºC
Encoberto com Chuvas

Quarta-feira - São Paulo, ...

Máx
18ºC
Min
14ºC
Nublado com Possibil

Hoje - Florianópolis, SC

Máx
14ºC
Min
12ºC
Encoberto com Chuvas

Quarta-feira - Florianópol...

Máx
16ºC
Min
13ºC
Chuvas Isoladas

Hoje - Curitiba, PR

Máx
14ºC
Min
9ºC
Encoberto com Chuvas

Quarta-feira - Curitiba, PR

Máx
15ºC
Min
10ºC
Nublado com Possibil

Hoje - Cuiabá, MT

Máx
36ºC
Min
20ºC
Predomínio de

Quarta-feira - Cuiabá, MT

Máx
38ºC
Min
22ºC
Predomínio de

Hoje - Belo Horizonte, MG

Máx
29ºC
Min
14ºC
Parcialmente Nublado

Quarta-feira - Belo Horizon...

Máx
28ºC
Min
15ºC
Possibilidade de Chu

Hoje - Sete Lagoas, MG

Máx
34ºC
Min
15ºC
Parcialmente Nublado

Quarta-feira - Sete Lagoas,...

Máx
32ºC
Min
15ºC
Parcialmente Nublado

Hoje - Campo Grande, MS

Máx
30ºC
Min
17ºC
Parcialmente Nublado

Quarta-feira - Campo Grande...

Máx
30ºC
Min
18ºC
Predomínio de

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 4,03 4,03
EURO 4,47 4,47
LIBRA ES ... 4,89 4,89
IENE 0,04 0,04
PESO (ARG) 0,07 0,07

Webmail

Clique no botão abaixo para ser direcionado para nosso ambiente de webmail.

Presidente Lissauer vai ao TCM

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás (Alego), deputado Lissauer Vieira (PSB), realizou, na manhã desta segunda-feira, 11, visita ao presidente do Tribunal de Contas dos Municípios do Estado de Goiás (TCM-GO), Joaquim de Castro. Acompanharam o presidente na visita, os deputados Henrique Arantes (PTB), Lucas Calil (PSD), Rafael Gouveia (DC), Talles Barreto (PSDB), Virmondes Cruvinel (PPS) e Tião Caroço (PSDB). Além de Joaquim de Castro, receberam a comitiva da Alego os conselheiros Daniel Goulart, vice-presidente; Nilo Resende, ouvidor; Francisco José Ramos, corregedor-geral; e Sérgio Cardoso. Também os os conselheiros substitutos Vasco Jambo e Irany de Carvalho. Estavam presentes, ainda, o procurador do Ministério Público de Contas José Gustavo Ataíde e o procurador-geral do Ministério Público de Contas, Régis Gonçalves Leite. Em entrevista concedida à Agência Assembleia de Notícias durante o encontro, o presidente Lissauer Vieira explicou que o objetivo da visita foi o de reafirmar e fortalecer a parceria com o TCM. “Estamos em contato com várias entidades que possam colaborar com o trabalho do Legislativo, principalmente os órgãos fiscalizadores e auxiliares, como é o caso do Tribunal de Contas dos Municípios do Estado de Goiás. O Poder Legislativo precisa destes parceiros e de pessoas que querem o bem para nossa população. Por isso precisamos intensificar esse trabalho, e estamos aqui hoje para nos colocarmos a disposição e reforçar essa parceria que permite fortalecer o serviço em prol dos municípios do Estado de Goiás”, explicou o presidente da Alego. Em relação ao trabalho que vem sendo desenvolvido pelo TCM-GO, de orientar e não apenas fiscalizar os municípios, Lissauer Vieira disse acreditar que o caminho, da forma como vem sendo desenvolvido pelo órgão, é exatamente aquilo que deve ser seguido. “O trabalho de poder orientar os prefeitos e presidente de câmaras é com certeza melhor do que apenas fiscalizar e punir. Às vezes as prefeituras, principalmente as menores, não têm condição de ter uma assessoria jurídica ideal que possa orientá-las corretamente sobre a forma que deve ser feito, e o TCM-GO têm feito muito bem esse trabalho”, destacou. Lissauer comentou também sobre as conquistas do Poder Legislativo por maior independência e que se traduz, segundo ele, em maior colaboração para com o fortalecimento dos municípios. “Os deputados da 18ª Legislatura tiveram um papel importante para dar uma certa independência para o poder legislativo com a aprovação das emendas impositivas. A porcentagem definida para elas não é o ideal ainda, mas já é um primeiro passo. Foi um entendimento entre o Governo do Estado e a Assembleia Legislativa, e nós vemos a medida como fundamental e muito importante e que dá aos deputados autonomia para levar mais benefícios aos municípios”, observou. O presidente do TCM-GO, Joaquim de Castro, disse que a parceria entre o órgão e a Alego deverá ser intensificada tendo em vista que o Tribunal é um auxiliar do Poder Legislativo. “Embora quem auxilie a Assembleia é o Tribunal de Contas do Estado, o Tribunal de Contas dos Municípios jamais se furtará a qualquer convite ou solicitação de orientação da mesma maneira, por exemplo, que ocorreu em 2018, quando fomos solicitados a auxiliar na Comissões Parlamentar de Inquérito da Goiás Turismo”, disse. Castro agradeceu a visita de Lissauer e destacou a característica municipalista de ambos. “A Assembleia Legislativa ganha muito com a presença do Lissauer na presidência. É uma pessoa equilibrada, sensata e que vai colocar o Legislativo em um patamar bastante elevado. Temos a convicção e a certeza de que para que a democracia seja fortalecida, é necessário que, além dos órgãos de controle possuam sua independência, haja também um Legislativo forte. Isso faz com que o tripé que sustenta a democracia possa cada vez mais se fortalecer. A Assembleia, com Lissauer à frente, irá avançar neste sentido, colaborando para o fortalecimento de toda essa estrutura democrática”, destacou. Questionado, por fim, sobre tendência que já é realidade em alguns Estados brasileiros, onde o TCM foi incorporado ao TCE, Joaquim de Castro disse que a desvinculação, da forma como é realizada em Goiás, permite que as contas sejam mais bem analisadas, o que reflete em ganho ao cidadão. “O TCE já lida com um volume muito grande de obras em todo o Estado, já o TCM lida com o dia a dia dos municípios. Nós fazemos com que as aplicações dos recursos públicos municipais sejam mais eficientes, atendendo aquilo que a população espera de um gestor. Nossa especialidade é justamente no sentido de lidar com o varejo da administração pública, enquanto o TCE fica com o atacado, e o trabalho é melhor desenvolvido quando realizado como em Goiás, por órgãos distintos”, explicou.
11/02/2019 (00:00)
Visitas no site:  677484
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.